Para Mestres: motivando seus jogadores

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Para Mestres: motivando seus jogadores

Mensagem por Rotieh em Sex Dez 17, 2010 4:12 pm



Encontrei este artigo hoje pela manhã. Achei simples, mas muito instrutivo. Ótimo para mestres e para quem pretende mestrar!

Nunca é demais uma boa leitura!

Link para o artigo original:
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

----

Seta para a Direita Seis Técnicas para Manter o Interesse dos Jogadores
Por Keith Earley

Vai acontecer na melhor das campanhas... a redução na intensidade, a aceitação de aventuras "determinadas" ou apenas uma falta geral de entusiasmo pelo jogo que apenas meses atrás era o principal assunto no circuito de jogos local. As seguintes ideias devem ajudá-lo a manter o interesse vivo em um grupo, especialmente aquele que estiver junto por algum tempo, tanto dentro quanto fora do jogo:

Mais Motivação do PdJ

Este deve ser o método mais direto de manter o jogo fluindo e vivo. Simplesmente concentrar-se nos interesses pessoais de um ou mais dos PdJs pode fornecer uma nova direção para o grupo.

- Algumas perguntas que você talvez queira se fazer são:

  • Por quê o grupo se formou originalmente?
  • Eles têm algum interesse em comum?
  • Há alguma meta de longo prazo em mente para eles?


Um exemplo disso seria um bando recém-formado de aventureiros que acabou de ser empregado por um negociante local como Cartógrafos. Não apenas criou ótimas oportunidades de aventura para este grupo novato como também gerou incentivo para saírem e explorarem áreas anteriormente desconhecidas do terreno local.

Mais Histórico do PdJ

O segundo método para trazer um grupo de volta ao jogo é se concentrar no histórico de um PdJ. Como um aventureiro veio a seguir sua profissão dá ao jogador uma boa chance para mergulhar no personagem, ao mesmo tempo em que seus companheiros têm uma ou duas aventuras a seguir no caminho.

Por exemplo, uma guerreira cuja vila foi varrida do mapa por orcs quando ela era jovem e que, subsequentemente, fugiu para as florestas élficas no entorno. Mais tarde, ela foi adotada e treinada nas artes de uma matadora de orcs - isso não apenas ajudou a dar um bom início à campanha quando eles começaram a aventura explorando sua vila abandonada, mas também a estabeleceu como uma combatente muito, muito temida por seus inimigos mais tarde no jogo.

Mais Dinâmica entre os PdJs

Outro método de manter as coisas em movimento seria explorar as interações entre os PdJs e a dinâmica de grupo: amor, tensão, lealdade, amizade, até conflitos, às vezes. Tudo isso ajuda a formar o grupo e pode ser usado para mantê-los grudados à mesa de jogo, esperando pela próxima rolagem de dados que pode influenciar suas relações.

- Alguns exemplos disto incluem:

  • A rivalidade amigável entre um guerreiro e um ranger sobre como verdadeiramente destruir seus inimigos empunhando duas espadas;
  • Uma relação quase fraternal se desenvolve entre o monge e o druida do grupo, especial depois que o monge começa a ensinar ao outro algumas técnicas defensivas;
  • Uma tentativa completa de resgate quando a feiticeira do grupo é abduzida pelo seu "interesse romântico" anterior que agora é um mercenário perigoso.


Mais Mudanças Atmosféricas

Algumas vezes, o problema não é com o grupo, mas com a percepção geral do jogo. Isto pode ser resolvido com uma simples mudança no ritmo ou no clima por uma sessão ou duas. Isso ajuda os PdJs a mudarem e se adaptarem da "mesma coisa de sempre".

Um bom exemplo disso foi em um grupo ficando aborrecido e complacente com a direção que a campanha estava tomando. Isso mudou com a repentina reaparição de um vilão principal que conseguiu fazê-los atravessar um portal dimensional, enviando-as a uma dimensão compacta muito maligna. Esta dimensão era dividida em várias seções menores, cada uma governada por sua própria facção. [N.T.: Lembra o 8º círculo, "Malebolge", do Inferno da Commedia.]

Simplesmente sair dessa dimensão já custou muito a eles, já que um dos aventureiros ficou para trás, comprando tempo para que seus companheiros escapassem através de um portal de saída. A viagem de retorno a esta dimensão para trazer o aventureiro para casa foi uma espera longa e foi muito apreciada pelo jogador quando aconteceu.

Mais Apresentação

Você pode ter um ótimo grupo, uma trama incrível, até o melhor conjunto de dados da histórica e tudo ruirá se sua apresentação for em um monotom que fará até o jogador mais entusiasmado que acabou de tomar um expresso duplo dormir que nem uma pedra à mesa. Isso não quer dizer que você precisa se tornar um ator profissional, mas tente manter as coisas interessantes e empolgantes. Faça do jogo sua verdadeira criação e o grupo vai notar.

Isso pode ser obtido até com uma simples altercação entre um PdJ e um mercador local ou taverneiro. Levante de fato, saia de trás do escudo e realmente interprete o encontro. Aperte a mão do jogador quando se apresentar como um humilde negociante de bens e serviços, pegue um copo e uma toalha da cozinha e aja como se estivesse fechando a loja no final do dia ou pergunte ao PdJ "O que vai ser, então, amigo?".

Você pode até olhar com desdém para o jogador do anão ou do elfo e declarar "Nós não servimos ao seu tipo aqui". Dar uma melhorada ocasional até para a mais mundana das situações pode ajudar a despertar aqueles jogadores entediados.

Mais Trama

Talvez o modo mais importante de manter o interesse dos jogadores na campanha é a trama. Um ótimo tema ou ideia podem manter um grupo na época das vacas gordas e das magras, nos bons e maus tempos, no triunfo pessoal e na tragédia.

Uma trama pode ser simples ou complexa, uma ideia básica ou uma rede de tramas interligadas que enredam e enroscam os jogadores à medida que eles se envolvem mais e mais nelas.

Aqui você precisa ser cuidadoso e "avaliar" seus jogadores. Se eles querem uma guerra terrestre mundial, forçá-los a lidar com intrigas na corte dos lordes locais toda semana simplesmente não vai funcionar. Mestrar um jogo que tanto você quanto seus jogadores querem jogar pode manter um grupo junto por semanas, meses ou, no caso do meu grupo, até anos. Boa continuidade pode inspirar vida em jogos por conta própria às vezes e ajuda o processo quase naturalmente.

Um jogo não precisa ser um exercício de frustração; precisa ser divertido para todos os envolvidos. Afinal de contas, é por isso que jogamos, não é? Torne o jogo divertido e interessante para todos e a experiência e os resultados serão muito melhores, talvez até se tornando material para futuras lendas de jogo.

------------------------

Acrescentando um comentário de um membro da Spell, com dicas interessantes!

Desenvolvendo os PdJs a Cada Sessão

De: Kelsey

Eu entrego a cada jogador um papel no início da sessão fazendo uma pergunta que se relaciona, de alguma maneira, com desenvolvimento de personagem. A ideia é que eles respondam nos momentos em que não tenham nada para a fazer durante a noite de jogo e então, devolvam antes que todo mundo vá embora. Eu faço perguntas de resposta livre que geralmente envolvem contar algum tipo de história. Perguntas relacionadas ao passado ou à vida interior dos PdJs.

Alguns exemplos incluem:

1. "Conte-me um segredo: o que você não quer que os outros membros do grupo saibam sobre você?"
2. "Conte-me uma história divertida da sua infância"
3. "Conte-me sobre um herói da sua infância"

Descobri que meus jogadores adoram as perguntas e frequentemente escrevem mais de meia página. Eu vejo como realmente cria profundidade para seus personagens e os desafia a pensar em seus personagens como pessoas inteiras, dificultando o estereótipo (a melhor pergunta para isso foi quando pedi a um personagem muito maquiavélico e sério uma história divertida do seu passado) e tornando a interpretação mais fácil.

Eu não sei quão bem isso funcionaria com jogadores que não gostam de interpretar, mas talvez consiga usar com modificações em seu grupo.

Esta eu vou usar com certeza!!!

Que me dizem?

Alguém já pensou em algum artifício para prender a atenção de jogadores?
avatar
Rotieh



Mensagens : 4212

Ver perfil do usuário http://dadoslimpos.forum-livre.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para Mestres: motivando seus jogadores

Mensagem por Convidad em Sex Dez 17, 2010 4:19 pm

Criatividade, acidez e suspense, acrescento....se eu fosse um mestre...

Apóio o movimento ! Cerveja

Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para Mestres: motivando seus jogadores

Mensagem por Sasquatch em Sex Jan 28, 2011 1:53 am

E quando o mestre é bem desmotivado, que nem eu?

_________________
avatar
Sasquatch



Mensagens : 471
Localização : Vastos Campos do Norte

Ver perfil do usuário http://twitter.com/ipsiloncampos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para Mestres: motivando seus jogadores

Mensagem por Rotieh em Sex Jan 28, 2011 2:04 am

Sasquatch escreveu:E quando o mestre é bem desmotivado, que nem eu?

Muita leitura inspira a mente do mestre!

Alimento pra ela!! Muitos filmes inspiram belas campanhas!

Leitura sempre!

Leia diários de campanhas de outros mestres, como o Tio Nitro!

E sem jogadores motivados, o mestre não se motiva, deve ser mútuo!

E se vocÊ estiver desmotivado demais, mestre Narnia!!! XDD
avatar
Rotieh



Mensagens : 4212

Ver perfil do usuário http://dadoslimpos.forum-livre.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para Mestres: motivando seus jogadores

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum